×
logo labcriativo
×

Rompa com todos os seus maus hábitos com este bom hábito

Tempo de leitura estimado: 5 min

Como invadir seu cérebro para tomar melhores decisões.

De novo não! Você comeu muito bolo. Você comprou outro par de sapatos que não precisa. Você foi rude com alguém. Você comemorou demais na festa.

A lista de arrependimentos continua. Podemos reconhecer nossos maus hábitos, mas temos grandes dificuldades em quebrá-los.

Há uma coisa simples que você pode fazer - um novo hábito que você pode desenvolver - que tem o potencial de dissolver todos os seus maus hábitos. Para aprender como funciona, é necessário entender melhor como o cérebro conduz o comportamento.

O como e o porquê da formação de hábitos

Novas pesquisas revelaram inúmeras forças ocultas que afetam nosso comportamento de maneiras surpreendentes. Essas forças incluem fatores biológicos e ambientais que orientam nossas ações no nível subconsciente. Em outras palavras, muitas das atitudes que tomamos, incluindo os hábitos que formamos, não resultam de cuidadosa contemplação e deliberação de nossa parte.

Isso pode parecer perturbador, mas a compreensão dos mecanismos subjacentes ao nosso comportamento expõe maneiras potenciais de invadir o cérebro e tomar decisões mais inteligentes. Caso contrário, nos enganamos pensando que estamos ao volante quando na verdade somos apenas um motorista no banco de trás.

Nosso cérebro é um feito notável da engenharia evolucionária, mas não está isento de problemas. Nosso órgão pensante é um troglodita de energia, consumindo até 20% da ingestão calórica diária do corpo - mesmo enquanto você dorme! Em um esforço para economizar energia, o cérebro se baseia em atalhos mentais que os psicólogos chamam de heurística. O cérebro trabalha duro para identificar padrões e, em seguida, faz suposições com base nesses padrões.

Essas suposições podem influenciar nosso comportamento de maneiras abaixo do nosso radar consciente. Como o cérebro investe um grande esforço no desenvolvimento desses algoritmos, ele reluta em gastar energia adicional para reavaliar suas suposições. É por isso que as pessoas costumam ser teimosas, às vezes se inclinando em crenças errôneas, mesmo quando apresentadas com evidências claras no sentido contrário.

O cérebro usa os padrões que aprendeu a executar no piloto automático sempre que possível. Isso conserva os recursos do corpo, mas pode resultar na recorrência de maus hábitos. Fazemos as coisas sem pensar. Formamos crenças sem avaliar evidências. Tornamo-nos tendenciosos e construímos estereótipos. Maus hábitos e decisões irracionais podem resultar dessas vias heurísticas automatizadas no cérebro.

Quebrando maus hábitos

Para interromper o ciclo, devemos lembrar constantemente de sair do banco de trás e assumir a direção. Muitas vezes somos vítimas de um cérebro preguiçoso que depende muito de atalhos mentais. O truque é ter em mente nossos comportamentos, por mais triviais que possam parecer. Faça a si mesmo perguntas como: Por que quero comer esta bolacha? Por que quero dizer algo tão cruel? Estou bocejando, então por que vou ficar acordado para assistir outro episódio? Por que estou olhando para o meu telefone em vez de desfrutar da minha refeição?

A estratégia pode parecer óbvia, mas estar atento às nossas ações atuais não é tão fácil quanto parece por dois motivos que estão intrinsecamente relacionados: nosso cérebro está usando atalhos mentais de maneira excessiva e desviando a energia para se preocupar com o que ainda está por vir.

Na sua rotina diária, o cérebro está operando amplamente em heurísticas. Isso libera energia para permitir que o cérebro faça o que ele gosta mais: imaginar cenários futuros. A pesquisa mostrou que a mente errante é a configuração padrão para o cérebro, o que claramente tem vantagens de sobrevivência. A desvantagem dessa preocupação é que não focamos em viver aqui e agora. Não conseguimos reprimir nossos desejos intermináveis. Não damos importância em reconhecer e apreciar o que já temos.

Você pode cultivar um novo hábito de viver o momento. Examine suas ações para revelar a escolha diante de você. Contemple todas as saídas da estrada. Envolva seus circuitos lógicos em vez de deixar a mente agir puramente em suposições subconscientes. Aqui está uma abordagem útil que alavanca o desejo de sucesso do cérebro: enquadre a decisão que você precisa tomar como teste. Você vai passar no teste? Ou você vai falhar?

O cérebro odeia o fracasso e produz emoções como culpa e vergonha para encorajá-lo a não falhar novamente. Da mesma forma, o cérebro recompensa a realização. Se você pode estar atento ao aqui e agora - como seu comportamento está afetando seu corpo ou o bem-estar de outra pessoa -, você aproveitará o poder de substituir os maus hábitos cometidos por um cérebro no piloto automático. Esforce-se para gastar a energia necessária para desafiar as decisões automatizadas do seu cérebro. Se você tiver dificuldades, aprenda a reconhecer as dicas que desencadeiam o mau hábito e reorganize sua rotina para evitá-las.

É importante deixar sua mente divagar e contemplar o futuro, mas faça isso em um horário apropriado, e não quando sua atenção é necessária aqui e agora. Boa sorte no seu próximo teste!

Este artigo foi traduzido pela equipe do LabCriativo. Para ler o artigo original escrito por Bill Sullivan para Psychologytoday.com, clique aqui: https://www.psychologytoday.com/us/blog/pleased-meet-me/201911/break-all-your-bad-habits-one-good-habit

Postado em June 8, 2020, 2 p.m.

New World, New Skills
Canal

Apresentamos novas referências de como produzir melhor usando novas tecnologias e como trabalhar de forma mais consciente, levando em consideração habilidades comportamentais necessárias para o presente e o futuro.



Canais
  • Lucas Foster
    Head of Content

    Founder and Head of Content

  • Digital Disruption
    Canal

    Conheça e se inspire com soluções e inovações que simplificam a maneira como as pessoas se comunicam, produzem, ensinam e …

  • New World, New Skills
    Canal

    Apresentamos novas referências de como produzir melhor usando novas tecnologias e como trabalhar de forma mais consciente, levando em consideração …

  • Corp Meets Planet
    Canal

    Inspirar, trazer referências e instruir líderes e tomadores de decisões ampliando seu repertório com casos, ideias e notícias que comprovam …

  • LabCriativo
    Inspiração

    Redação do LabCriativo

Últimas postagens

Veja também

Excelência no atendimento ao cliente no novo normal

Depois de vários meses abrigados em casa, perdas de negócios surpreendentes e alta no desemprego, estamos lenta e cautelosamente reabrindo.Em minhas …

Como superar o medo de errar

A crise da Covid-19 e suas conseqüências - incluindo recessão, demissões e problemas econômicos inéditos-, bem como os protestos recentes sobre …

O motivo pelo qual as chamadas de Zoom drenam sua energia

O bate-papo por vídeo está nos ajudando a permanecer empregados e conectados. Mas o que o torna tão cansativo - e …

4 técnicas simples para lembrar tudo o que você aprende

Aristóteles uma vez comparou a memória humana a um bloco de cera que começa quente e flexível, mas esfria até que …

Por que é preciso uma crise para as empresas mudarem?

Para superar a resistência à mudança, você precisa superar o poder da ansiedade, das recompensas e do status social. A crise …