×
×

Cientistas criam rim biônico para substituir máquina de hemodiálise

Tempo de leitura estimado: 1 min

Um grupo de cientistas americanos está criando um rim artificial para implantar em doentes renais que será capaz de filtrar o sangue continuamente, sem que o paciente necessite visitar o hospital para realizar sessões de hemodiálise com intervalos de 3 a 5 horas.

O rim biônico, que está prestes a entrar na fase de teste humano, funcionará sob o impulso do coração do paciente, filtrando a corrente sanguínea que passa por ele. A chave para este dispositivo é um microchip de silício que será desenvolvido com células de rim vivas (o rim será composto por componentes biológicos e tecnológicos).

Este avanço significará uma grande melhoria na qualidade de vida das pessoas que dependem da hemodiálise para sobreviver. Na hemodiálise, o sangue do paciente flui através de um filtro que remove resíduos prejudiciais, minerais e líquidos desnecessários. Desta forma, o sangue é retornado ao corpo do paciente, ajudando a controlar a pressão arterial e mantendo o equilíbrio adequado das substâncias químicas, como o potássio e o sódio.

Postado em 6 de Junho de 2019 às 13:00

Top Posts
LabCriativo / Editor



Em alta
Últimas postagens

Veja também

Terminal desativado em aeroporto ganha nova vida e vira hotel de luxo retrô

O Aeroporto Internacional de Nova York, John F. Kennedy, inaugurou no dia 15 de maio de 2019, seu primeiro hotel interno …

Top Posts
LabCriativo / Editor

Lucas Foster faz palestra no Rock in Rio Innovation Week 2019

Com foco no desenvolvimento humano, segunda edição do evento ocorre de 2 a 5 de julho, em Lisboa. Por acreditar que …

Top Posts
LabCriativo / Editor

Mãe criativa transforma os aparelhos auditivos de crianças em super-heróis

Com um filho de 4 anos diagnosticado com surdez profunda e perda auditiva apenas alguns meses após seu nascimento, Sarah Ivermee …

Top Posts
LabCriativo / Editor