×
logo labcriativo
×

Investimento das marcas em mídias sociais cresce 50,3%

Estudo da Social Bakers apontou que marcas decidiram investir mais em anúncios nas redes sociais no ultimo trimestre de 2020 confira:

Tempo de leitura estimado: 4 min

A Socialbakers, plataforma líder em soluções para otimização de performance corporativa em redes sociais, divulgou um novo relatório abrangente sobre as tendências de mídias sociais no quarto trimestre de 2020. O levantamento revela que os investimentos globais com publicidade em redes sociais dispararam durante o último trimestre de 2020, apesar do contínuo impacto econômico da pandemia do coronavírus. Outros insights incluem um aumento global no custo por clique (CPC), alcance expandido para anunciantes no Facebook, um crescimento na popularidade e custos de anúncios para vídeos, além de um declínio no uso de influenciadores de mídia social para publicidade de marca durante a temporada de férias. Os dados de investimento em anúncios são baseados em uma amostra de mais de 15.000 contas de publicidade no Facebook.

  • Investimentos em anúncios em mídias sociais aumentam 50,3%
    Depois de um forte desempenho no terceiro trimestre de 2020, os investimentos globais com anúncios em mídia social continuaram sua ascensão meteórica no quarto trimestre, com um aumento geral de 50,3% em comparação com o mesmo período de 2019. Do ponto de vista da média mensal de compra de anúncios digitais, o aumento foi ainda maior, com um salto de 56,2% desde o quarto trimestre de 2019. Em todo o mundo, as marcas investiram em anúncios de mídia social como nunca antes – incluindo um crescimento notável de 92,3% na América do Norte e um aumento de 39,6% na Europa Ocidental. Essa elevação foi observada em todos os setores, com os investimentos em anúncios de comércio eletrônico ampliando em 24,8% a diferença com o trimestre anterior, um número que representa o dobro do investimento com anúncios no primeiro trimestre de 2020. Esses desenvolvimentos foram acompanhados por um aumento também no custo por clique global. Ao longo de 2020, o CPC para marcas no Instagram e no Facebook cresceu 35,6%, começando em US$ 0,104 e terminando em US$ 0,14.
  • As interações caem, mas o comércio eletrônico e o Facebook ganham
    No geral, o envolvimento do usuário com as marcas caiu ligeiramente em comparação com 2019. Em todo o mundo, a queda foi de 5,4% no Facebook e de 6,3% no Instagram. No entanto, na América do Norte, o Facebook alcançou um aumento de 11% nas interações, enquanto elas diminuíram 10% no Instagram, ano após ano. O setor de comércio eletrônico também obteve ganhos de engajamento, com aumento de 14,4% nas interações no Instagram e de 1% no Facebook, ano após ano.
  • Popularidade dos vídeos, os custos dos anúncios continuam aumentando
    A popularidade e a competitividade do formato de vídeo também estão gerando um aumento significativo nos valores de anúncios. No quarto trimestre de 2020, as taxas de publicidade de vídeo in-stream do Facebook aumentaram 216,8% no CPC e 247,2% no CPM em comparação com 2019. Em termos de formato, o Facebook Live foi de longe o tipo de postagem mais envolvente nessa plataforma. Ele entregou 2,8x mais interações em comparação com imagens e 3,25x mais em comparação com conteúdo de vídeo regular.

A crescente popularidade do conteúdo de vídeo ao vivo e o ímpeto em torno das experiências do Live Shopping destacam a importância da mídia social como ferramenta de geração de receita. As compras ao vivo já são uma megatendência com a Geração Z na China e estão rapidamente ganhando força com marcas e consumidores no Ocidente.

  • As postagens com hashtag #ad caem 17,6%
    Apesar do aumento acentuado em publicidade, as marcas pareceram reduzir o uso de influenciadores no quarto trimestre. No geral, o uso da hashtag #ad caiu 17,6% globalmente ano contra ano. Embora ainda tenha havido um aumento geral para os feriados, ele não atingiu o nível do ano anterior.
  • Metodologia de Relatório
    Os Relatórios Trimestrais da Indústria refletem o estado do banco de dados da Socialbakers no início do trimestre após o trimestre dos relatórios. Os dados são extraídos apenas uma vez e não são atualizados entre as versões. O limite mínimo para o relatório a ser gerado é de 50 perfis no Instagram e 50 páginas no Facebook para a combinação de região e categoria fornecida. Quando a combinação de um slide específico não atinge o limite, os dados para uma área mais ampla são fornecidos, se possível.

Postado em Feb. 5, 2021, 7:21 a.m.

LabCriativo
| Destaques

Redação do LabCriativo



Canais
  • Lucas Foster |
    Partner, LabCriativo

    Especialista em criatividade e empresário da economia criativa

  • Digital Disruption
    Canal

    Conheça e se inspire com soluções e inovações que simplificam a maneira como as pessoas se comunicam, produzem, ensinam e …

  • New World, New Skills
    Canal

    Apresentamos novas referências de como produzir melhor usando novas tecnologias e como trabalhar de forma mais consciente, levando em consideração …

  • Corp Meets Planet
    Canal

    Inspirar, trazer referências e instruir líderes e tomadores de decisões ampliando seu repertório com casos, ideias e notícias que comprovam …

  • LabCriativo
    | Destaques

    Redação do LabCriativo

Últimas postagens

Veja também

Nasce o motor elétrico independente de terras-raras

Inovação alemã torna produção global menos dependente da China, responsável por 90% da produção dos metais de terras-raras. A Mahle anunciou …

Facebook está investindo US$1 bilhão em criadores

O dono das maiores redes sociais do mundo está implementando programas de bônus para criadores de conteúdo. Até o fim de …

Trouxemos 8 dicas para você fazer mais e melhor

Os princípios mais importantes que você pode seguir para o crescimento do corpo e da mente. Inspirado por Ray Dalio e …