×
logo labcriativo
×

Como estimular a criatividade com hábitos controversos

Os hábitos que fazem muitas pessoas “torcerem o nariz”, são, na verdade, ótimas formas de ser mais criativo

Tempo de leitura estimado: 4 min

A criatividade é até hoje motivo de pesquisas e discussões para se descobrir de onde vem, como estimulá-la e potenciá-la. Para alguns, a criatividade vem sempre de forma muito organizada, sempre devido a algum estímulo específico, ou quando necessário. Para outros, é uma grande dificuldade ser criativo, necessitando “quebrar a cabeça” para achar a inspiração diária. Há também aquelas que têm criatividade para dar e vender, conseguindo a qualquer momento e em qualquer lugar suas ideias.

Mas a verdade é que todos nós, em algum momento de nossas vidas, já tivemos aquele insight nos momentos mais aleatórios, e que não tinham nada ver com o que precisávamos fazer no momento, mas que ajudaria perfeitamente em outras situações. Os psicólogos apontam que, de fato, há várias evidências concretas que esses momentos de “eureka” ocorram em momentos em que você se concentra em algo totalmente diferente do que você precisaria no momento, como se o cérebro estivesse trabalhando naquilo em segundo plano. Esse período é chamado de incubação.

Pensando nisso, a BBC News Brasil elaborou uma reportagem sobre os hábitos malvistos, mas que na verdade são muito úteis para estimular a criatividade. Apresentamos aqui os principais fatos de cada um deles, mais informações podem ser vistas neste link

1- PENSAMENTO LIVRE

Há muitas razões pelas quais o período de incubação pode estimular a criatividade. Uma das principais teorias afirma que isso depende do poder do inconsciente, ou seja, quando deixamos de fazer aquela tarefa, nossa mente continua trabalhando nela, inconscientemente, até encontrar a solução.

Porém, tão importante quando se concentrar em uma tarefa, é manter uma distância mental dela, pois, ficar muito tempo pensando em algo pode transformar isso em uma obsessão, de forma que apenas soluções mais óbvias e não criativas apareçam.

Desta forma, a incubação pode ser melhor aproveitada quando se está realizando uma atividade mais fácil, prazerosa e envolvente, sendo assim, mais fácil para a mente trabalhar livremente, já que você estará mais distraído.

2- PROCRASTINAÇÃO PRODUTIVA

Para aqueles que costumam se distrair facilmente e passar horas procrastinando, essa é informação muito relevante, visto que, muitas das coisas que realizamos no dia a dia e são consideradas “perda de tempo”, podem , na realidade, ser úteis para estimular nossa criatividade.

Para tal, é essencial seguir o conselho “da vovó”: Tudo que é demais, é sobra. Ou seja, utilizando esses momentos de distração com moderação, pode surtir um ótimo efeito.

Algumas ideias podem ser: ver vídeos na internet, ver séries leves, ou fazer algum hobby mais tranquilo que você tenha.

3- COMO ‘PERDER TEMPO’ CRIATIVAMENTE

Seja qual for a sua área de atuação, todos nós gostamos de ter ideias originais para as nossas mais diferentes tarefas diárias, sejam elas em casa ou no trabalho. Afinal, o ser humano é voraz por coisas novas e tem a tendência de se entediar com ideias repetitivas. Além disso, para o mercado, é sempre importante apresentar novas ideias e seguir as tendências para nos mantermos competitivos.

Desta forma, sempre que temos um deadline mais apertado, tendemos a nos desesperar e achar que se nos desviarmos do que estamos fazendo por algum tempo, não iremos conseguir cumprir com nossas obrigações.

Contudo, não devemos nos culpar por ter breves momentos de distração produtivos ou deixar de lado aquela atividade enquanto buscamos uma solução mais adequada.

Pesquisadores da Universidade de Stanford, afirmam que caminhar ativa o pensamento divergente, fornecendo novas perspectivas para oas ideias que estamos tendo. Aliás, essa é uma dica que sempre é dada para quando precisamos pensar em novas ideias, provando que funciona há séculos.

Outro hábito que também é muito malvisto, é o de tirar aquela soneca durante os períodos de estudos ou trabalho. Porém, há provas de que tirar aquela sonequinha pode ser útil para aumentar a criatividade. Pensando nisso, diversas empresas e universidades estão instalando cantinhos para descanso ou cápsulas de sono para os funcionários e alunos relaxarem entre suas atividades.

Cada vez mais estamos precisando inovar nos ambientes de trabalho, de forma que a produtividade, bem estar e criatividade dos funcionários seja potencializada.

Postado em June 9, 2021, 5:33 p.m.

LabCriativo
| Destaques

Redação do LabCriativo



Canais
  • Lucas Foster |
    Partner, LabCriativo

    Especialista em criatividade e empresário da economia criativa

  • Digital Disruption
    Canal

    Conheça e se inspire com soluções e inovações que simplificam a maneira como as pessoas se comunicam, produzem, ensinam e …

  • New World, New Skills
    Canal

    Apresentamos novas referências de como produzir melhor usando novas tecnologias e como trabalhar de forma mais consciente, levando em consideração …

  • Corp Meets Planet
    Canal

    Inspirar, trazer referências e instruir líderes e tomadores de decisões ampliando seu repertório com casos, ideias e notícias que comprovam …

  • LabCriativo
    | Destaques

    Redação do LabCriativo

Últimas postagens

Veja também

Nasce o motor elétrico independente de terras-raras

Inovação alemã torna produção global menos dependente da China, responsável por 90% da produção dos metais de terras-raras. A Mahle anunciou …

Facebook está investindo US$1 bilhão em criadores

O dono das maiores redes sociais do mundo está implementando programas de bônus para criadores de conteúdo. Até o fim de …

Trouxemos 8 dicas para você fazer mais e melhor

Os princípios mais importantes que você pode seguir para o crescimento do corpo e da mente. Inspirado por Ray Dalio e …