Bem, acontece que se uma criança está distraída ou um pouco exuberante imediatamente se pensa em tratar essa doença com drogas psicotrópicas. Para freiar esta tendência ruim, a associação «Primum Non Nocere» promoveu uma campanha de informação cultural e social sobre o TDAH (Transtorno de Déficit de Atenção com Hiperatividade). A publicação foi produzida para a ocasião pelos grandes autores italianos: Bruno Bozzetto – que também projetou este curto flash -a Silver, passando por Giorgio Faletti, Luca Enoch, Massimo Bonfatti e muitos outros.

Mantenha-se criativo! Lhe sugerimos estes:

 

Receba nossas atualizações no seu e-mail: